fbpx
Skip links

Por que razão devo aprender inglês?

O inglês é a língua comum a nível global devido a dois fatores de destaque: a extensão do poder colonial britânico e a hegemonia dos EUA como poder económico no século XX. Para se destacar como língua global, um idioma deve adquirir um papel especial reconhecido em todo o mundo. Esse papel é evidente nos países em que o inglês é falado como primeira língua por grandes contingentes da população: EUA, Grã-Bretanha, Irlanda, Canadá, Austrália, Nova Zelândia, África do Sul e vários países caribenhos. Ainda assim é importante que outras nações por todo o mundo deem a uma língua o papel e funções especiais para que se torne global, quer seja proclamando o idioma como língua oficial ou dando-lhe primazia no ensino local de línguas estrangeiras.

A língua inglesa é, atualmente, utilizada como meio de comunicação em vários sectores, tais como: administração governamental, educação, sistema judicial, meios de comunicação em massa, etc. O inglês é também o idioma mais lecionado como língua estrangeira por todo o mundo. Estima-se que, na atualidade, um quarto da população mundial possua algum conhecimento do inglês, dos quais 500 milhões são altamente proficientes no uso do idioma. Dada a sua condição de língua mundial, não surpreende que o número de falantes não nativos de inglês já tenha ultrapassado há muito o contingente daqueles que falam o idioma como primeira língua e que, o número dos que aprendem inglês como língua estrangeira venha a expandir-se enquanto a língua se mantiver em evidência. Na verdade, a importância global das línguas – e o inglês não é exceção – deixou de ser definida pelo número de falantes nativos; hoje, o contingente de falantes que utilizam um idioma como segunda língua ou língua estrangeira passou a ser um fator mais significativo. Assim sendo, aprendermos inglês podemos afirmar que estamos a aprender a comunicar com o mundo, o que significa que o nosso leque de possibilidades se expande conforme aprendemos.

Leave a comment